“Nunca vi tanta gente no exterior”

O deputado Evair de Melo (PV do Espírito Santo) — candidato à reeleição, claro — procurou O Antagonista para dizer que a decisão de suspender as sessões da Câmara nesta semana representa “mais um descaso com o povo”.

Ele ainda criticou os colegas que afirmam que as folgas são uma oportunidade para “percorrer as bases”: “Isso não existe. As bases querem ver é o resultado das nossas votações, do nosso trabalho legislativo”.

Jerônimo Goergen (PP do Rio Grande do Sul) também se mostrou indignado com a decisão de Rodrigo Maia e encaminhou a este site sua extensa agenda desta semana (não em Brasília). Apenas amanhã, ele — que também quer se reeleger, óbvio — deverá visitar seis municípios no estado: “Estou acordando cinco horas da manhã. Feriadão para alguns, muito trabalho para outros.”

O gaúcho ainda alfinetou os colegas: “Nunca vi tanta gente no exterior”.

Leia mais aqui:

Câmara sem som, sem taquigrafia e com faxina no plenário

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Bode Cheiroso disse:

    Pois é. Quando tem algum feriado, o brasileiro faz churrasco na laje já os políticos meia sola, visitam suas bases no exterior. Povo otário o brasileiro.

Ler comentários
  1. Maria MG disse:

    Claro, decerto o presidente deu uma folga dessa para que todos viajem e arrumem suas continhas no exterior, ou seja, tiram daqui, botam acolá, veem o saldo, escondem um pouco, camuflam outro tanto... ah, ah! E nós, aqui no interiorzão de MG, passando a maior falta d´água! Água!!! Já pensou? Só nos falta o básico, a vida! Deus tenha misericórdiade nós!

  2. FAZ SENTIDO disse:

    ROUBAM MUUUUITO , deixam o país devastado, pior que se estivesse em guerra, para os brasileiros trouxas e honestos e vão curtir a vida no Primeiro Mundo, bancando os grandes com guardanapinhos na cabeça em Restaurants chiquérrimos.