O acordo comunista

O “problema” em relação à CPI da UNE é que, para ter o apoio do PCdoB e ocupar a cadeira de presidente da Câmara, Rodrigo Maia também prometeu a Orlando Silva — o deputado comunista que fez carreira na “entidade estudantil” — não tirar a tal CPI do papel.

Sem os votos de Orlando e sua turma, Maia não teria vencido a disputa com Rogério Rosso.

São muitos acordos.

Faça o primeiro comentário