O amigo americano

“Investigadores americanos apuram suspeitas de que os cartolas do futebol foram beneficiados por contratos obtidos pela Odebrecht”, diz o Estadão.

Um deles é Jérôme Valcke, que “teria fechado um acordo para tirar a Copa do estádio do Morumbi e abrir caminho para a construção de um novo estádio, erguido pela Odebrecht, em Itaquera – a Arena Corinthians”.

Sim, o estádio que a Odebrecht deu de presente para Lula, codinome “Amigo”.