ACESSE

O antibolsonarismo na escola

Telegram

Um professor de História foi alvo de críticas nas redes sociais porque escreveu no quadro, na última sexta-feira, “Bolsonaro está com pneumonia”, e disse para uma turma do Santa Mônica Centro Educacional, em Bento Ribeiro, no Rio de Janeiro, que aquela era uma “frase motivacional”, registra O Globo.

“Soubemos do episódio no mesmo dia, mas o professor já tinha ido embora. Esperávamos que ele voltasse ao colégio para conversarmos com ele sobre a situação, mas não foi necessário”, afirmou Marcelo Souza, diretor de marketing da instituição.

Segundo ele, o professor foi ao Santa Mônica no fim de semana, admitiu o erro e pediu demissão.

A instituição afirmou que a postura e o comentário não condizem com a filosofia da escola e que “colégio é para aprender conteúdo disciplinar, e não para professor aproveitar a audiência para opiniões pessoais”.

Os perfis do militante foram retirados do ar nas redes sociais.

Descubra a melhor razão para mudar a embaixada brasileira de Tel Aviv para Jerusalém. Veja aqui!

Comentários

  • Mere -

    Ainda bem que esse professor idiota pediu demissão. Que sem vergonha.

  • BERNARDINO -

    Somente com estes fatos relatados, eu poderia supor que o professor quisesse motivar os alunos a rezarem/orarem pelo restabelecimento da saúde de nosso presidente. Achei a notícia mal escrita.

  • Silvio -

    Parabéns a direção da escola! Adorei a frase “nossa proposta é ensinar e não usar audiência cativa para proselitismo político. Espero que esse “professor” agora desempregado tenha aprendi

Ler 223 comentários