O auxílio-pedalinho

Telegram

O ataque rasteiro da Folha de S. Paulo contra Sergio Moro é muito oportuno.

Na segunda-feira, ele vai fazer os primeiros interrogatórios sobre a reforma do sítio de Lula em Atibaia.

O Antagonista aguarda ansiosamente os depoimentos dos donos da Odebrecht e da OAS, que bancaram as despesas do condenado.

Comentários

  • Giovani -

    Pessoal está hostilizando ministros do Supremo nos voos, né? Pois é, eu hostilizaria vocês, Mario e Diogo... vocês são enganadores. Assin como Joice Hasselmann, Josias de Souza e Augusto Nunes. Se tornaram meros porta vozes do MPF.

  • Giovani -

    Por que ataque rasteiro? Antagonista precisa da lava Jato pra sobreviver. Se a Lava Jato acabar. Esse “saitezinho” acaba. Daí essa necessidade de puxar saco do Moro. Metem a boca na FSP, mas fica o dia inteiro soltando resuminho das noticias dos jornais. Diogo e Sabino são dignos de pena. Difícil de acreditar que chegaram tão longe sendo tão limitados... Hoje leitores de antagonistas se resumem a Bolsonaristas. O site sabe disse e por isso não emitem opinião sobre ele. Mas na primeira live cheia de falhas do site com o Sabino ele deu umã opinião e não era boa... mas hoje escondem pois senão passarão fome.

  • eu -

    Quem ainda dá credibilidade pra Folha???

Ler 80 comentários