Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

O bolso derrota Bolsonaro

A piora da economia derruba ainda mais as chances de Jair Bolsonaro em 2022, que perde até entre aqueles que votaram nele em 2018
O bolso derrota Bolsonaro
Foto: Isac Nóbrega/PR

“O governo tem hoje avaliação mais negativa do que positiva em todos os estratos sociais, políticos e econômicos. A única exceção continua sendo o eleitor que votou em Bolsonaro em 2018. Nesse grupo, 39% avaliam bem o governo e 28% avaliam mal.
 
O desafio é que mesmo nesse grupo a tendência é de piora nos últimos meses. Entre agosto e novembro, a rejeição ao governo subiu de 15% para 28% entre os eleitores que votaram em Bolsonaro, enquanto a avaliação positiva oscilou negativamente: de 52% para 39%.
O motivo principal para este crescente mau humor dos brasileiros com o governo é o bolso. Em julho, 41% dos brasileiros diziam que a pandemia de COVID era o maior problema do país e 28% a economia. Agora, 48% acham que a economia é o maior problema, e apenas 17% a saúde.
Entre os problemas econômicos, chama atenção o aumento da preocupação com a inflação. Entre julho e novembro, passou de 2% para 11% os que afirmam que esse é o principal problema do país. A falta de crescimento econômico saiu de 10% para 23% no mesmo período.”
 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....