ACESSE

O cenário vivido pelo Rio

Telegram

O Globo resume a situação fluminense a ser encarada pelo governador eleito Wilson Witzel:

“Desde 2015, o cenário econômico vivido pelo estado do Rio de Janeiro foi de queda da atividade econômica com disparada do desemprego, retração de investimentos e rombo nas contas públicas, que resultaram no atraso dos salários de servidores e no pagamento de fornecedores até o primeiro semestre deste ano. O déficit fiscal registrado até 2017 chega a R$ 12 bilhões, pendência que não tem previsão para ser quitada.”

Witzel pretende reduzir o déficit fisca com “aumento da atividade econômica por meio da redução de impostos, encolhimento da máquina pública e reavaliação das despesas fixas, como o alongamento da dívida com a União e a diversificação das receitas para o pagamento de aposentadorias e pensões”.

Bolsonaro presidente: você precisa entender o que isso significa. Leia AQUI

Comentários

  • poderdovoto -

    Desejo ao novo governador do RJ, W. Witzel, o mesmo que desejo ao governo Bolsonaro/Mourão a partir de 2019: muito sucesso, equilíbrio e boa sorte na sua árdua missão à frente do estado.

  • Maria -

    Não ser corrupto já resolve boa parte do problema. O que ninguém fala é que o que ajudou a quebra r o país foi a corrupção generalizada.

  • Eduardo -

    Engraçado que ninguém vê fiscalização e punição como forma de receita. Se metessem bronca, só com multa de trânsito a dívida quitava em 6 meses.

Ler 21 comentários