O ‘combo’ de Janot contra a oposição

A Folha informa que Rodrigo Janot resolveu enviar ao STF uma espécie de “combo” de pedidos de investigação contra opositores. O PGR usou como base a delação de Delcídio do Amaral.

Sobre Aécio, são dois pedidos de investigação, um envolvendo acusações de propina em Furnas e outro sobre maquiagem de dados do Banco Rural para esconder mensalão do PSDB.

Contra Romero Jucá, Jader Barbalho, Valdir Raupp e Renan Calheiros, pesam as acusações de Delcídio sobre pagamento de propinas em Belo Monte.

Vital do Rêgo, ministro do TCU, e Marco Maia (o único petista arrolado), por sua vez, foram acusados de cobrar propinas de empreiteiras na CPI da Petrobras, assim como Gim Argello – já preso.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler 21 comentários
  1. Mas se procurar beeeeem direitinho, verão que a parte que vai para casa também pode ir passar um tempo atrás das grades. Velho ditado da selva: “petista honesto nasce morto” !

  2. Diogo comentando aí embaixo – volta pro teu instituto ou quarto de hotel e vá agitar sua bandeirinha no meio de algum pneu queimado, já ganhou tua mortadela.

  3. Só posso dizer a vocês do O Antagonista,que Deus os ouça🙏🏻🙏🏻🙏🏻e isso aconteça o quanto antes para que tenhamos esperança num país melhor,sem nos envergonharmos de quem nos governa!!!

  4. Conheço uma excelente profissional graduada até com cursos no exterior que levou mais de um ano para arrumar recolocação e por um terço do que ganhava. Todos indo para seguro desemprego, bolsa família, loas.

  5. Solicito gentilmente aos jornalista de O Antagonista, que procurem os números do desemprego do DIEESE, usado nos idos de 1980 a 1990 pela esquerda, porque o IBGE nunca foi confiável segundo eles. Só para sermos justos!

  6. Parece que houve esforço para transformar a banania em uma massa de dependentes do estado. Pois conseguiram. Poucos empresários ainda resistem.

  7. Só maluco para empregar alguém hoje. Melhor deixar o dindin ganhando juros obscenos e ir pra praia do que ser ofendido, acharcado, enfrentar justiça trabalhista, milhares de taxas, impostos, o mundo de Kafka e ainda ser tachado de imperialista opressor explorador.

  8. Perfeito Comentário….a Imprensa não comenta isso… Bailarino 12 minutos atrás Desemprego nos píncaros. E nenhuma manifestação dos sindicatos contra o desemprego e em favor dos trabalhadores. Idem Petrobrás falida: cadê o Sindipetro ? Coisa única no mundo: desemprego alarmante e sindicatos saindo às ruas em defesa do governo que cria o desemprego. Nunca vi ! E ninguém na imprensa aponta a anomalia, mais completa anomalia.Acham normal os sindicatos, de vermelho, saindo às ruas para defender o governo do desemprego e nenhuma defesa dos trabalhadores.

  9. A luta para preservar os empregos públicos é tão feroz e irracional, que são capazes de destruir a si próprios, estraçalhando toda a atividade privada que os suporta.

  10. Extinguiram com os empregos das domésticas já que poucas famílias podem manter os custos e burocracia de uma multinacional e deixaram milhares de mulheres pobres desempregadas. Mulheres que antes negociavam seus salários, horários, eram registradas com férias, 13 e direitos – tudo sumiu para agradar sindicalistas.

  11. Procuradores tentam induzir testemunha contra Lula. Brasileiro recebe prêmio e denuncia o Golpe Meire Poza, aliada de Youssef, foi agente infiltrada na Lava Jato.

  12. Nada de arriscar um negócio novo. Aqui no sul a coisa tá feia. Muita gente fechando negócios, fabricas falindo, páginas de negócios vendendo negócios falidos a uma pechincha.

  13. Apenas avisando, Diogo. Seu post “Fazendo de Conta” sobre Janaína Pascoal, não aparece o texto todo aqui no site, apenas dois parágrafos. No facebook é possível visualizar o resto.

  14. Desemprego nos píncaros. E nenhuma manifestação dos sindicatos contra o desemprego e em favor dos trabalhadores. Idem Petrobrás falida: cadê o Sindipetro ? Coisa única no mundo: desemprego alarmante e sindicatos saindo às ruas em defesa do governo que cria o desemprego. Nunca vi ! E ninguém na imprensa aponta a anomalia, mais completa anomalia.Acham normal os sindicatos, de vermelho, saindo às ruas para defender o governo do desemprego e nenhuma defesa dos trabalhadores.

Os comentários para essa notícia foram encerrados.