O contracheque de Janot

O aumento de salário de Rodrigo Janot está quase confirmado: de R$ 33 mil para R$ 36.713,88; e, no ano que vem, para R$ 39.293,32.

A CCJ do Senado aprovou, na manhã de hoje, o reajuste, que deve provocar um efeito cascata nos estados. O texto precisa passar ainda pela CAE e pelo plenário.

O voto em separado de Ricardo Ferraço, contrário ao aumento, teve o apoio de Ronaldo Caiado e Ataídes Oliveira, mas não vingou.

Faça o primeiro comentário