O crime já é crime

Os deputados vão aprovar a lei que criminaliza o caixa dois.

Segundo Vera Magalhães, do Estadão, eles acreditam que, dessa maneira, serão automaticamente anistiados de crimes cometidos no passado.

Procuradores ligados a Rodrigo Janot negam essa possibilidade.

Eles dizem que o caixa dois cometido antes da lei “continua passível de punição por outros crimes, como lavagem de dinheiro, corrupção ou falsidade ideológica”.

Um dos procuradores acrescentou:

“Omitir recursos de campanha já é crime”.

Faça o primeiro comentário