ACESSE

O custo da imunidade de Bolsonaro

Telegram

“Fabrício Queiroz pode deixar a prisão antes de Jair Bolsonaro sair da convalescença”, diz o Valor.

“Não poderia haver dobradinha mais simbólica dos arranjos que se montam em Brasília. Depois de adquirir imunidade frente ao vírus, tem outras a buscar. Não é a cloroquina que vai lhe garantir sobrevida, mas um rol de créditos, nomeações e acordos.

O pedido de, pelo menos, R$ 30 bilhões em créditos extraordinários a ser enviado ao Congresso para os gastos dos Ministérios do Desenvolvimento Regional (Rogério Marinho) e da Infraestrutura (Tarcísio Freitas), vai irrigar as bancadas governistas e estender o prazo de sua imunidade no Congresso.”

Leia mais: 'A prisão de Fabrício Queiroz encerrou o governo Bolsonaro.' Clique para ler na íntegra

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 43 comentários