O despertador antagonista

O Antagonista, ontem à noite, lembrou Antonio Palocci de ligar o despertador.

Se ele se esqueceu de apertar o botão, repetimos agora:

– Acorda, Palocci!

Os dois milhões de reais em propina que Antonio Palocci deu a Dilma Rousseff, segundo Paulo Roberto Costa, tem tudo para destruir o pouco que resta do mandato presidencial.

Nesse sentido, repetimos também:

– Acorda, Filippi!

José Filippi Júnior foi tesoureiro da campanha de Dilma Rousseff em 2010. A PF já deve estar preparando o camburão para levá-lo a Curitiba, junto com Antonio Palocci.

Cinco? Mas não eram apenas dois milhões de reais?