O esquema de Lula, Delúbio, Dirceu, Wagner e Gabrielli

O que Ricardo Pessoa, de acordo com a Veja, pode denunciar à Lava Jato?

Primeiro: o esquema de propinas da Petrobras foi montado em 2003, assim que Lula – amigo do empreiteiro – tomou posse.

Segundo: seu operador era Delúbio Soares.

Terceiro: a UTC deu 2,3 milhões de reais a José Dirceu apenas porque o PT mandou.

Quarto: as campanhas de Jaques Wagner na Bahia, em 2006 e 2010, assim como a campanha de Rui Costa, em 2014, foram financiadas com dinheiro desviado da Petrobras.

Quinto: o presidente petista da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, sempre soube de tudo.

Se Ricardo Pessoa denunciar esses crimes à Lava Jato e se os investigadores conseguirem demonstrá-los, o PT deve ser extinto e seus mandantes têm de ser presos. Mais do que um esquema de propinas envolvendo uma estatal, aqui se trata de uma verdadeira máfia, que infiltra seus homens na máquina pública para saqueá-la.

Lula (e Gabrielli) inauguram Cenpes: o PT embolsou R$ 1,7 milhões da UTC, pela planilha de Pedro Barusco