O ex-ministro Lula

Dilma Rousseff reuniu-se ontem à noite com Ricardo Berzoini, Jaques Wagner, José Eduardo Cardozo e Giles Azevedo – todos eles implicados na Lava Jato.

Segundo o G1, eles avaliaram que o pedido de prisão dos promotores paulistas eliminava qualquer possibilidade de nomear Lula ao ministério, pois isso “seria interpretado como uma tentativa do governo de obstruir ação da Justiça”.

Mas não foi por esse motivo que Dilma Rousseff ofereceu um ministério ao amarelão? Para tirá-lo da esfera do juiz Sergio Moro?

Na verdade, a oferta do ministério a Lula foi mais uma imbecilidade dos petistas, mas só ontem à noite eles se deram conta disso.