O fim melancólico da Zelotes

O juiz Ricardo Leite, que comandou a primeira fase da Zelotes, denunciou o procurador Frederico Paiva, que cuida do inquérito.

Ele disse, segundo O Globo, que o procurador tratou de “direcionar politicamente a Zelotes, na tentativa de contrapô-la à Lava Jato, amenizando, em última análise, sua repercussão negativa sobre o Partido dos Trabalhadores”.

Ele disse também que, antes de assumir o cargo de procurador, Frederico Paiva “serviu em cargo de confiança, na qualidade de assessor do ministro do Trabalho e Emprego, ninguém menos que Ricardo Berzoini, conhecido por suas táticas difamatórias submundanas”

A Zelotes acabou.

Faça o primeiro comentário