O freio do decano

Para Merval Pereira, Celso de Mello “deu uma espécie de freio de arrumação nas discussões sobre o instituto do habeas corpus, mostrando que nem tudo é preto ou branco. Ele, que votara a favor do recebimento do pedido da defesa de Antonio Palocci, ficando com a minoria, ontem ajudou a alargar a maioria negando o mesmo habeas corpus”.

Agora Celso de Mello tem de se afastar de uma vez por todas de Gilmar Mendes.

Comentários

  • Jose -

    Ministro,para o bem do Brasil:retorne a sua coerencia e equilíbrio.O que houve?...lula não é polvo!..

  • sfoliveira -

    De fato, nem tudo é preto ou branco. Nas decisões supremas há pelo menos uns cinquenta tons de cinza.

  • Henrique -

    Assim esperamos, afinal já há um pedido de impeachmant contra o "beiçudo" Gilmar Mendes!

Ler 88 comentários