O futuro de Dilma

Dilma Rousseff já está pensando no que fazer depois de ter seu mandato cassado.

Segundo a Folha de S.Paulo, ela “revelou a amigos que, caso o impeachment seja aprovado no Senado, pode passar um período fora do Brasil, em países como Chile ou Uruguai”.

Que tal Curitiba?

A Época publicou uma versão ainda mais fantasiosa sobre o futuro de Dilma Rousseff:

“Ela disse não ver a hora de o processo de impeachment ser finalizado para que possa voltar a morar em Porto Alegre. Seu sonho é poder entrar numa livraria e comprar livros sem ser hostilizada”.

Comprar livros?

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200