O garçom de Lula, a empresa fantasma e o PCC

Investigadores visitaram os galpões da Focal, de Carlos Cortegoso, em São Bernardo do Campo.

Eles ficam localizados em terrenos que o garçom de Lula comprou de José Carlos Bumlai, que, por sua vez, recebeu os imóveis de Laerte Demarchi – aquele que indicou Ricardo Lewandowski ao STF.

A notícia, porém, é outra.

Ao ser questionado sobre a ausência de funcionários na Focal, Cortegoso alegou que não costuma assinar carteira de trabalho e que a mão de obra é fornecida, normalmente, pelo representante do PCC da comunidade local.

200