ACESSE

O grande conchavo

Telegram

Depois de exaltar o “pragmatismo” de Fernando Haddad, a Folha de S. Paulo, em editorial, defendeu o conchavo entre o candidato petista e os parlamentares de PSDB, MDB e DEM:

“Na situação calamitosa de hoje, ajustes dolorosos se mostram inevitáveis — e dependerão do apoio de siglas já tachadas de golpistas.”

A imprensa é muito pragmática.

Renan Calheiros: você tem 1 semana para conhecer o estratégia dele para retomar o poder em Brasília. Saiba mais

Comentários

  • Marcello -

    Por pior que seja o período recente, é melhor "voltar a 2003" ou mesmo a 2010 do que voltar a 1964 com essa gente que troca a crítica econômica pelo discurso mais rasteiro da guerra fria...

  • Emanuel -

    Ta ruim, vai ficar péor. A CRONOLOGIA da DESGRAÇA, Haddad na presidência, Dilma no congresso nacional e Gleisi na cama com os deputados. A saída tá no aeroporto mais próximo..

  • Silvio -

    Desafio à reflexão. Só um beócio não saca que grandes bancas e judiciário tupiniquins bebem naquela fonte pra estancar a sangria aqui.

Ler 81 comentários