O grande negócio das gráficas de campanha

Os candidatos a prefeito e vereador já gastaram na campanha eleitoral deste ano R$ 174,5 milhões para imprimir panfletos, santinhos e cartazes — é o equivalente a 20% dos R$ 879 milhões em despesas já realizadas, segundo levantamento do G1 a partir de números do TSE.

A campanha de Dilma também gastou uma fortuna com serviços gráficos — e boa parte dessas empresas era apenas fachada.

Faça o primeiro comentário