O inquérito do sítio de Atibaia

A Polícia Federal abriu hoje inquérito exclusivo para apurar as obras no sítio de Atibaia. A medida foi tomada após a autorização dada pelo juiz Sérgio Moro na semana passada.

O inquérito apura indícios de corrupção, lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio envolvendo Lula, o empresário José Carlos Bumlai e as empreiteiras OAS e Odebrecht.

Também estão no alvo das investigações Jonas Suassuna e Fernando Bittar, donos formais do sítio e sócios de Lulinha.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200