O INTERLOCUTOR MÁXIMO DA ORCRIM

Lula continuou mandando na Petrobras mesmo depois de sair do governo.

É o que mostra uma das perguntas encaminhadas por Eduardo Cunha a Michel Temer.

Lula era o interlocutor de Dilma Rousseff nos pleitos dos partidos e das empreiteiras.