O jornalismo Lamborghini

A PF, hoje, apreendeu os carros importados e o piano de Eike Batista.

Por alguns anos, ele encarnou o sonho petista de dar um golpe na imprensa. Em 2011, ao receber pela segunda vez o prêmio de empresário mais admirado do Brasil, da Carta Capital, ele anunciou seu desejo de comprar o SBT, declarando:

“O que Lula e Dilma têm feito de bom para o Brasil merece muito mais espaço nos meios de comunicação”.

Em seguida, ele descreveu seu modelo de jornalista, arrancando calorosos aplausos da platéia:

“O Mino Carta faz um jornalismo que admiro muito, é realmente isento. Admiro muito a linha editorial que faz o Mino”.

Eike Batista admira muito sua linha editorial

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200