“O novo governo está completando o que o anterior não conseguiu concluir”

Telegram

Ives Gandra da Silva Martins Filho, ministro do TST, disse à Folha que existe uma espécie de reforma trabalhista dentro da reforma previdenciária de Jair Bolsonaro.

“O novo governo está completando o que o anterior não conseguiu concluir”, afirmou.

Entre os pontos identificados na proposta da previdência, especialistas ouvidos pelo jornal destacaram a possibilidade de o empregado escolher entre contribuir com o atual regime de previdência ou com um sistema de capitalização.

A reforma das reformas está em risco. LEIA AQUI

Na prática, isso pode significar uma redução nos custos do trabalhador.

Comentários

  • Presidente-XVII -

    Ives Gandra Filho não é aquele que ia ser nomeado pro STF, mas não foi por ser "conservador demais"? Tem que vir gente do perfil dele, no mínimo. E que a PEC da bengala seja derrubada.

  • Marcelo -

    A retirada do FGTS para quem pede demissão precisa ser logo aprovada e acabar com a multa sobre o FGTS na demissão sem justa causa deveria também. Chega de travamento e protecionismo. Basta o méri

  • Francisco -

    Foram mais de 13 anos enrolando os trabalhadores dizendo que fariam as reformas necessárias e dando migalhas aos assalariados, enquanto roubavam a Nação. O governo atual não é continuação disso

Ler 52 comentários