ACESSE

O otimismo de Delfim

Telegram

Delfim Netto está otimista.

O motivo de seu otimismo é o escambo entre Jair Bolsonaro e o Centrão:

“Se quiser enfrentar com algum sucesso o comportamento — até agora defensivo, mas hoje ofensivo — das direções da Câmara e do Senado, só lhe resta fazer o que deveria ter feito em novembro/dezembro de 2018: escolher alguns partidos, formar uma coalizão e dividir com eles o poder, para administrar como se faz em qualquer República onde se pratica o Estado democrático de Direito.

Talvez seja só otimismo de um velho que torce para ver o Brasil vencer a Covid-19 e, no terceiro trimestre de 2020 (se estiver vivo), assistir à recuperação do crescimento e do emprego. É isso que, na minha opinião, sugere a manobra política iniciada a partir da nova Casa Civil.”

Leia também: O certo do DEM a Bolsonaro

Comentários

  • Servulo -

    Será que 'Estado de Direito' rima com 'Compra de Votos"?

  • Paulo -

    Num país digno e civilizado com judiciário que cumpre seu dever, este crimino so estaria preso por corrupção e lavagem de dinheiro. Aqui ele eh consultor da imprensa sócia da corrupção e roubalheira.

  • Luiz -

    Primeiro tem que aprovar os projetos do Moro para inibir a corrupção e a bandidagem em geral. Dividir o governo com o congresso a lava jato vai ter que trabalhar muito.

Ler 62 comentários