ACESSE

O papo de Pimentel com Eunício

Telegram

Enquanto o STJ julgava a denúncia contra Fernando Pimentel, o governador de Minas estava reunido com Eunício Oliveira no Senado, relata O Globo…

Pimentel pediu ao presidente do Senado a aprovação do projeto de securitização da dívida ativa do estado –trocando em miúdos, o governo mineiro teria R$ 2 bilhões de antecipação de receita para pagar parte de seu rombo de R$ 7 bilhões nas contas.

Questionado por pedir mais dinheiro aos senadores quando o STJ julgava seu envolvimento em corrupção, o petista disse que “tinha que trabalhar”.

 

Comentários

  • ps -

    Papo furado esse...na verdade, Pilantrécio estava oficializando, definitivamente, a entrada de minas como estado nordestino...

  • Alice -

    No jargão petista trabalhar=roubar.

  • Adamastor/ctba -

    Tem quer ver quanto o Índio vai receber de propina. Esse era o modus operandi do Temeroso do PMDB na era PT.

Ler 10 comentários