O partido do MBL

O MBL se prepara para virar partido.

Kim Kataguiri disse para a Folha de S. Paulo que o plano é adotar “uma legenda que já exista, mas que tenha morrido por causa da cláusula de barreira”. 

O futuro do Brasil: venha discutir com DIOGO MAINARDI, MARIO SABINO, CLAUDIO DANTAS e convidados. AQUI

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Jo disse:

    Para ajudar no governo de uma nação bem organizada, com homens competentes e decididos a defender a sua Pátria, basta a existência de 2 (DOIS) partidos. A ORDEM é TRABALHAR.

Ler comentários
  1. Isabelle disse:

    Toda vez quando eu vejo essa galera do MBL lembro do Lindinho...

    1. Bem lembrado, o canastrão Paraibano começou assim, mesmo que tenha sido à frente do movimento estudantil. Mas o processo está sendo o mesmo.

  2. José disse:

    Boa manobra dos caras, espero que mudem o nome MBL caso contrário não serão identificados pelos seguidores.

  3. José disse:

    Então eles se elegeram por diversos partidos, já que se aceita candidaturas avulsas, e agora vão migrar para um partido já existente que vai morrer devido à cláusula de barreira.

  4. MARCELO disse:

    kkkkkkkkk mais um fiasco da molecada...NÃO entenderam ainda que NÃO EXISTE ATALHO. caso quiserem MESMO serem honestos.

  5. Geni disse:

    kkkk, MBL (mov. bem lucrativo) caindo em contradição ...

  6. Engenheiro disse:

    Que contradição, o Kataguiri diz que tem muitos partidos e quer criar mais um: eh a síndrome do kataguiri: uma mistura de estupro cerebral com síndrome de estocolmo!!!

  7. claudio disse:

    Candidatura avulsa seria uma alternativa para impedir a criação de partidos de aluguel. O pacto de São Jose de Costa Rica, da esta garantia para concorrer ao pleito eleitoral não precisa ser filia

  8. Delcimar disse:

    E vai dando a lógica. Esse Kim não passa de mais um que se apresenta como novo mas é mais do mesmo. É o famoso "rato-de-gabinete" como dizem alguns. Não vai resistir.

    1. Leonardo, eu também não confio muito, vamos ver como vai ser, como todos estão dizendo, só resta aguardar, meu medo é deles serem um PSDB teen.

    2. Também tenho minhas reservas com esse "japa". O tal de "Mamãe Falei" é outro que não me inspira confiança.

  9. George disse:

    Quero ver conseguir fundar um partido do zero, mas não preferem atalhos e olha que seria fácil eles conseguirem isso, mas fazer o que , a mosca azul da velha política picou eles

  10. Divinata disse:

    Só o tempo pode mostrar quem é o MBL, a ideia inicial tem sido ótima, um movimento de direita sem ideologia de gênero, começou bem, mas vamos ver se eles vão se manter com os mesmos ideais.

  11. Fatima disse:

    Sei não! acho que esse MBL não vai longe! Esse Kataguiri é muito deslumbrado. Eles são mais dos mesmos. Apoiadores de Doria falsidade.

    1. Petralhas ja falavam isso em 2015, e bocós continuam falando sem conhecer de fato o movimento.

  12. André disse:

    Acompanho os discursos do Kim e do MBL. Vamos ver a prática e o tempo. Se ele não sair da linha e não matarem esse rapaz ele pode ir longe.

  13. Ryu disse:

    Eu já dizia isso a muito tempo, e tinha gente que duvidava.

  14. RENATO disse:

    Errado. Usar um partido para se eleger, nem sequer assumir e ja falar em criar outro é desrespeitar os eleitores

    1. Caros comentarias (2): Fundar um partido do zero é muitíssimo mais difícil e demorado que assumir o controle de uma agremiação prestes a se extinguir. Depois é só mudar o nome.

    2. Caros comentaristas: o MBL já elegeu vereadores (Holyday p.ex., em quem votei) e vem mostrando competência e economia de recursos públicos. Aliás esse movimento é contra o fundo partidário.

    3. Esse é o sistema Político brasileiro... Precisa de reforma? E muita! Contudo, dadas as circunstâncias o caminho era esse. O DEM também se beneficiou da popularidade do MBL (Quociente eleitoral)

    4. Yan nao sou eleitor de partido nenhum. Mas nao acho legal uma meia duzia d caras que mal se elegeram e ja falam como velhor politicos querendo criar legenda pra ganahr fundo eleitoral, acorda

    5. Ninguém além de você é fiel ao DEM, no caso eles ganham eleitores pq a princípio (ou por princípio) eu não voto no DEM.

  15. Cleon disse:

    ... tico-tico no fubá: o partido deverá ser o acessório do MBL que é o principal.Esquecer a origem e distanciar-se das redes sociais será o começo do fim.

  16. JOSÉ disse:

    Então coliga com PT... Já morreu faz tempoKkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  17. Ivo disse:

    Estão indo com sede ao pote,como movimento teriam muito mais penetração em determinados seguimentos.

  18. Louisc1 disse:

    Nada como uma solução digna do capitalismo: Usar uma "shell company" (partido que é uma casca, mas tem registro válido) para lançar um novo partido. É muito usado nas bolsas USA, Canada e UK.

  19. Augusto disse:

    Mais um partido? Ridículo!Esse porra desse Kim Jong Um tupiniquim tá mostrando o baita oportunista q é!Não precisamos de mais partidos pra alimentar!Cara podre!+1!

  20. Giusti disse:

    Se O Antagonista fizesse uma triagem p definir qual d seus posts recebeu o maior número d comentários absurdos e sem base nos fatos, este ganharia disparado.

  21. Cezar disse:

    Eu gostaria na verdade é que fosse reduzido o número de partidos e não que se criassem mais. Quem quer montar um novo partido, deve é participar de algum que já existe. Tomara que acabem com a ma

  22. Marcelo disse:

    Ficava bem evidente, desde sua criação, que o MBL já era um partido político, natural e legítimo. Basta que isso se formalize agora. Demorou.

  23. OBSERVADOR disse:

    Kim está correto. Na democracia o poder se alcança através de eleição, e no Brasil é necessário partido político.

  24. Ana disse:

    O Japa de olho no fundo partidário. que maravilha.

    1. Está mais para de olho de algum cargo a presidência. Se o partido está fora da barreira. Então, o partido não terá fundo partidário.

  25. Ricardo disse:

    Como sempre o MBL se juntando a velha política. Quero ver como vai ser. Partido é bem diferente de movimento.

  26. Vlad disse:

    Mas o MBL não defendia que o fosse diminuído o número de partidos?

  27. TIAGO disse:

    Tem que ler a matéria a toda. Ele não quer fundar um partido novo, mas encorpar algum morrendo. Pode existir um monte de partidos no país, mas que defendam privatizações e livre mercado são muit

  28. Natan disse:

    Essa turma do MBL me faz lembrar Lindenberg Farias e os caras pintadas da era color o impeachment seja de quem for sempre trás esse tipo de vírus que só nos ataca depois de um tempo Oremos....

    1. Concordo, eles planejaram tudo isso desde o começo, na fundação do movimento e muita gente acreditou... Devo dizer que no começo até eu acreditei

    2. A diferenca que o Lidenberg sempre foi um falastrão.

  29. CELIO disse:

    Se assim for, estamos de olhos bem abertos pra ver a cara desses novos...

  30. Sarcástico disse:

    MBL nada mais é que o PSDB repaginado.

  31. Renato disse:

    Seria o PCdoB ou a Rede da zumbi que sai da tumba a cada 4 anos? Devagar japa...

  32. ALEXANDRA disse:

    EEE... dor de "cutuvelo" é phoda.... Depois que o japa tá lá... trabalhou pra caramba...aí é oportunista.... teve qse 500 mil votos... mas é deslumbrado... ah tá... reconheçam o valor do car

  33. Natan disse:

    Todos querem uma boquinha do fundão depois não venham cobrar sacrifícios do povo.

  34. Orlando disse:

    Gostei da ideia!! Ele espelha a renovação que esta acontecendo em nossa politica. Minha sugestão é que a sigla do novo partido seja o PMBL - Partido do Movimento Brasil Livre.

  35. DireitaMassiva disse:

    Excelente!! Não esqueçam de lançar as bases do partido, escrevê-las, E SEREM FIÉIS A ESTAS. Sugiro a primeira linha: HONESTIDADE E LIBERDADE.

  36. Bianca disse:

    Eles nao sao de direita. Mancomunaram la atras com o PSDB.

  37. Paulo disse:

    Calma Kim!!! Você subiu no ônibus agora, paciência meu caro.

  38. Presidente-XVII disse:

    Eu só espero que isso não implique num aumento de partidos, se a demanda é que eles diminuam, até que um dia tenhamos bem menos de 10.

    1. É triste mas desde que um apedeuta tornou-se presidente ninguém lê, ou se lê não entende!