ACESSE

O plano de Toffoli

Telegram

O plano para soltar Lula em 10 de abril se tornou mais complicado depois do golpe de Marco Aurélio Mello.

Diz a Crusoé:

“A alternativa que vem sendo construída pelo próprio Toffoli é a de que o STJ seja a última instância antes do cumprimento da pena. Gilmar é simpático à ideia, mas os outros ministros não deram pistas se irão aderir. Se prevalecer esse entendimento, as chances de Lula deixar a prisão diminuem. O relator da Lava Jato no STJ, Felix Fischer, já rejeitou um recurso do petista. Essa decisão aguarda uma análise definitiva da 5ª Turma da corte. A tendência é que o entendimento de Fischer seja mantido. A alternativa para Lula seria, então, um novo recurso ao STF. Até lá, ele seguirá na cadeia.”

Na quarta-feira, o STF percebeu que a sociedade vai reagir furiosamente à soltura do criminoso. Os ministros vão acabar tramando outro caminho.

Leia aqui.

O ocaso de Maduro: vai sair ou 'ser saído'? Leia aqui

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 192 comentários