O plano do governo para enlamear a Lava Jato

Jaques Wagner tem de ser preso.

Segundo a Veja, ele está armando um dossiê contra a Lava Jato.

O dossiê foi levado a Jaques Wagner no fim do ano passado por um aloprado da PF: o policial Flávio Werneck, presidente do Sindicato dos Policiais Federais no Distrito Federal.

A reportagem conta que o dossiê acusa o juiz Sergio Moro, os procuradores e os delegados da Lava Jato “de estarem a serviço de um grande plano do PSDB para implodir o PT e o governo.

Um diagrama com fotos anexado ao dossiê tenta estabelecer essas conexões.

O esquema mirabolante envolve na trama até mesmo uma multinacional interessada em destruir a Petrobras”.

Em vez de expulsar o policial aloprado de seu gabinete, Jaques Wagner – que já está com um pé na cadeia por seu envolvimento com o Petrolão – prometeu encaminhar o dossiê a “um promotor baiano de sua confiança para dar sequência ao assunto”.