O poder da primeira-dama

O poder da primeira-dama
A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, participa da solenidade de Assinatura da MP da Pensão Vitalícia das Vítimas de Microcefalia do Zika Vírus.

A primeira-dama Michelle Bolsonaro dá conselhos, influi em decisões do presidente e tem poder até para determinar a criação de cargos comissionados e escalar servidores do governo para atender seus interesses, mostra André Spigariol na Crusoé desta semana.

No papel, a primeira-dama trabalha para a Casa Civil, a qual está vinculado o programa que ela comanda, o Pátria Voluntária, com 12 funcionários.

Na prática, a história é outra. Michelle se serve da estrutura a serviço do gabinete presidencial para atender aos seus desejos.

LEIA AQUI a reportagem completa na Crusoé desta semana.

Leia mais: A verdadeira sabatina de Kassio Marques.
Mais lidas
  1. Urgente: MP aponta desvio de vacinas em Manaus e pede prisão do prefeito; desembargador declina

  2. Huck 2026?

  3. Bolsonaro: leite condensado é para 'enfiar no rabo' da imprensa

  4. Neymar pai no 'churrasco de leite condensado'

  5. Pandemia 'pode ter sido fabricada', diz Bolsonaro

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 68 comentários
TOPO