O precedente que se está querendo criar

Do mesmo procurador a O Antagonista, sobre o precedente que se está querendo criar com a extensão indevida do foro privilegiado:

“Ocorrem centenas de furtos e casos de desacato no Congresso a cada ano. Esses casos teriam também de ser levados ao STF, já que, de alguma forma, estão sempre relacionados a parlamentares? As alegaçōes de Renan Calheiros, no caso da Tétis, vão nesse caminho.”

Faça o primeiro comentário