ACESSE

O privilégio de Flávio Bolsonaro

Telegram

O STF está mandando recados de que vai reverter a decisão escandalosa dos desembargadores do Rio de Janeiro, que deram foro privilegiado a Flávio Bolsonaro.

“A decisão do Tribunal de Justiça do Rio causou espécie entre ministros do STF”, diz a Folha de S. Paulo.

“Depois que votou pela restrição do privilégio, a corte enviou centenas de inquéritos de políticos já fora dos cargos à primeira instância — ao contrário do que fez agora o tribunal do Rio.

O caso mais notório é o de Michel Temer. O ex-presidente respondia a quatro inquéritos no STF — e todos foram para a primeira instância depois que ele deixou o cargo.”

Comentários

  • Gilberto -

    Embora seja contra o foro privilegiado, há pequena diferença: Flávio continua Parlamentar, portanto com direito a essa prerrogativa. Tinha direito à época e continua tendo.

  • Oliveira -

    Depois do inquérito das fake news, o inquérito do fim do mundo, como disse Marco Aurélio, em pode tudo. O STF, ele mesmo é quem gera insegurança jurídica. Vejam também prisão em 2a. instância.

  • Paulo -

    A JUSTIÇA QUE NAO QUER JULGAR, INCERTEZA JURIDICA, EXPLICA ISSO PROS INVESTIDORES.

Ler 52 comentários