ACESSE

“O problema é que os servidores só querem privilégio”

Telegram

Leonardo Rolim, secretário de Políticas de Previdência Social, disse em entrevista para o Correio Braziliense que o maior foco de resistência à reforma previdenciária é, claro, o servidor público.

“O problema é que os servidores só querem privilégio. Se for tirar um pouquinho do privilégio, para eles, já é o fim do mundo. O mundo vai cair. É assim que boa parte da minha categoria pensa, infelizmente. Não é confisco, porque a alíquota efetiva máxima vai ficar um pouco abaixo de 17%. Se somar com a alíquota efetiva do IR, deve dar, praticamente em todos os casos, menos de 40%. Esse pessoal sabe manipular número.”

O Centrão já prometeu: “Depois do Carnaval vai ter porrada” no governo. LEIA AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 543 comentários