ACESSE

O problema não é a matança, é a condução coercitiva

Telegram

O Atlas da Violência 2018, divulgado hoje, mostra que 2% dos municípios concentram metade dos homicídios do país.

A maior matança ocorre em Queimados, no Rio de Janeiro, com um índice de 134,9 homicídios para cada 100 mil habitantes. A cidade menos violenta é Brusque, em Santa Catarina, com um índice de 4,8.

Esses números deveriam guiar as autoridades, mas ninguém vai fazer nada sobre o assunto, porque o que interessa é suprimir a condução coercitiva de poderosos da política.

 

Comentários

  • Melinto -

    Nossas otoridades vivem num mundo paralelo, não vive a realidade do povo brasileiro.O povo está marchando num passo as otoridades estão completamente marchando contra.

  • Leone -

    Nosso problema é a saúva! Ou acabamos com ela ou ela acaba com o Brasil.

  • É -

    Nada disso importa! Corrupção generalizada? Politcos e empresarios milionarios amigos de supremso poderosos sendo soltos? Nós, contribuintes, mortos nas ruas como moscas? Educação? Saúde? Importante é o brasil ganhar partidas de futebol, gente!

Ler 47 comentários