O protesto dos sindicalistas na… sexta-feira

Sindicatos que representam servidores públicos federais, registra o Estadão, vão entrar na Justiça contra a medida provisória, editada nesta semana, que adia o reajuste salarial e eleva a contribuição previdenciária.

Os pelegos prometem uma série de protestos. O principal deles está previsto para 10 de novembro, uma sexta-feira.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler 29 comentários
  1. Manda embora, Temer! Não gostou procura outro emprego. A maioria deles ninguém contrata nem como faxineiro. O dinheiro não é do governo. Se o Temer liberar um centavo para essa turma vai custar caro para ele. Lembre-se, 2018 está logo alí.

  2. Existe sempre esta bobagem de que os salários dos servidores são merecidamente altos pq eles passaram num concurso difícil. Ora, o concurso é difícil justamente pq os salários e benefícios são altos. Ainda a considerar que a seleção pública não tem a ver com a função que o servidor vai desempenhar ou, muito menos, com a qualidade do trabalho que o contratante busca, já que as provas são genéricas. O país precisa é de ter os mais capazes, os mais bem remunerados, na iniciativa privada, empreendendo, não no serviço público, onde a qualidade ou produtividade não tem nenhuma influência no rendimento rcebido.

    1. Concurso não quer dizer nada. A maioria estuda só para concurso e não tem experiência em nada. Tem medo de encarar o mercado e vai fazer concurso público. O Temer acertou em limitar o salário em cinco mil para os novatos. O dinheiro é do povo não é do governo. A sociedade não tem por que pagar salário de marajá para funcionários públicos. Naõ gostou vai arrumar outro emprego.

  3. O PT passa a ideia de que o jornal da GloboNews só persegue o Lula!


    Ou seja: De que a GloboNews persegue de graça o Lula.
    

**

    Ou seja: se PT conseguiu fazer edição das falas e imagens do Bonner falando mal de Lula;
    

do Camarotti (excelente jornalista nordestino) falando 12 vezes mal de Lula;
    da Cristiane Lobo falando mal dezenas & fazer disso um Produto de Marketing
    Político (“vender” bem um produto de consumo, via técnicas elaboradas de marketing):
    como a Globo seria a favor do PT? Se o PT odeia o jornalismo da Globo?… Esquisito, não?
    
***

    Então, me responda essa aqui, por que o GloboNews seria esquerdalha???


    Ou a favor de PT?

    É totalmente paradoxal.

  4. Desembargadores do Rio chegam a ganhar mais de R$ 640 mil num mês, e agora com este aumento irá para mais de 700 mil mensais:
    http://www.defensoria.rr.def.br/noticias/208-desembargadores-do-rio-chegam-ganhar-mais-de-640mil-num-mes/

  5. Comentaristas aos montes abaixo : VOTEM EM CANDIDATOS QUE SE COMPROMETAM A REDUZIR ESSA ” P R A G A ” CHAMADA FUNCIONALISMO PÚBLICO e EMPRESAS ESTATAIS. Assim, talvez – somente TALVEZ, as próximas gerações possam ver um Brasil justo e bom de se viver PARA TODOS e não para essa ” CASTA ” que sequestrou o resto do país para ser mantida a peso de ouro e retorno de MERD*, não é ?????

  6. Serão estes, aqueles que tocaram fogo em um prédio federal, um ministério, e ficou por isso mesmo? A z’elite sindicalista não quer perder os privilégios e regalias que o dinheiro capitalista que lhes dá vida boa oferece.Eles e quem defendem. Hipócritas.

  7. Simples assim: enquanto tiver barnabés, judiciário e políticos a nossa querida pocilga não arranca nunca.

  8. Claro! Já viu sindicalista marcar manifestação para domingo, como nós, os trabalhadores de verdade marcamos? Eles querem fim de semana longo, ora!

  9. O prestigiado site O Antagonista faz “tábua rasa” quando se refere aos protestos dos servidores públicos. A impressão é que seus distintos jornalistas fazem coro a um clamor difuso e pouco racional, em vez de se inteirarem de como funciona o serviço público. Nem todos os sindicatos são filiados à CUT, principalmente nas autarquias. Há concursos dificílimos, em que dezenas de milhares de pessoas altamente preparadas ficam de fora. Os que entram recebem a responsabilidade de fazer funcionar o Estado. São de fato uma elite, mas tem um trabalho importante e diferenciado. Ninguém fica ocioso. E os regulamentos funcionais são rigorosos. Até concordo com o aumento da contribuição previdenciária, para ser realista. Mas os aumentos salariais são devidos e foram arduamente negociados, e não farão o nível salarial chegar nem perto do que se ganhava em 2010. Além disso, para atrair pessoas capacitadas para morar em Brasília, é preciso oferece um bom salário e uma perspectiva de carreira. Essa cidade é muito cara e longe de tudo.
    PS: Gosto de ler as notas de O Antagonista, assim como muitos dos meus colegas, e aprecio as participações do Diogo no Manhattan Connection.

    1. Ah sim! Vamos continuar aumentando o salário dos funcionários do Estado, enquanto o salário dos trabalhadores da iniciativa privada diminuem a cada dia…
      .
      Detalhe: quem paga os salários dos funcionários do Estado são os trabalhadores da iniciativa privada.

    2. Ora, o seu raciocínio contém um silogismo: os concursos são dificílimos justamente por oferecerem altos salários e benefícios (tais como estabilidade independente da produtividade). O abismo que separa os servidores públicos dos trabalhadores do setor produtivo precisa diminuir muito para termos alguma chance de progredir. Falo isso enquanto servidor público concursado.

  10. Os caras tem emprego vitalício garantido, se aposentam com salário integral, trabalham (?) quando querem, surfam nas licenças médicas, licenças prêmio, emendam todo e qualquer feriado e tem SINDICATO?????? Isso é uma aberração!

    1. Desde quando passar em concurso público é “competência”, mané?
      Competência é ganhar a vida na iniciativa privada sem se escorar em cabide!

  11. Penso que as pessoas e bem só tem dois caminhos para escolher. Ou pegam um p@u de fogo e levam pro inferno uma meia dúzia, ou pegam um avião e se despacham pra qualquer bur@co longe dessa terra de filhos da put@ egoístas e ladrões!!

  12. Que fique registrado que esses pelegos não representam todos os servidores. Estão todos trabalhando enquanto a esquerdalha faz barulho.

    1. Ah, sim, claro! Como se não fossem todos servidores a estarem indignados com aumento da contribuição previdenciária e descumprimento de acordo de reajuste com o governo.
      Estão todos com certeza adorando toda essa sacanagem…

      Idiota!

    2. Concurso Público é tão fácil que tem gangues” que não passam e tem que pagar muito dinheiro para ser um passar em um.
      Ser Servidor Público é estudar e ter competência.

    3. E daí, away? Ficar indignado não é o mesmo que se sentir representado por pelegos que até pouco tempo atrás estavam apoiando PT & cia.

    4. “Ser Servidor Público é…estudar e ter competência”.
      “Ser servidor público é…amar sem jamais ter que pedir perdão”.
      Acho que já dá pra começar um álbum de figurinhas.

Os comentários para essa notícia foram encerrados.