ACESSE

"O PT traiu Ciro Gomes e permitiu a eleição de Bolsonaro"

Telegram

Na sua coluna de hoje, Merval Pereira recupera o que Delfim Netto contou a Pedro Bial. O ex-ministro confirmou que o PT traiu Ciro Gomes, em 2018.

Ele disse que chegou mesmo a ser montada uma chapa na qual Fernando Haddad entraria como vice de Ciro. Quando a notícia surgiu, o petista negou como se fosse boato.

Delfim participava de uma articulação da centro-esquerda (pois é, um dos responsáveis pelo AI-5) e acompanhou tudo de perto. A sua conclusão? “O PT traiu Ciro Gomes e, assim, permitiu a eleição de Jair Bolsonaro à Presidência da República.”

Leia mais: Bolsopetismo pró-impunidade: a aliança para enterrar a proposta de prisão após condenação em segunda instância

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 73 comentários