O QG do esquema de cybermortadelas do PT

Telegram

Como registramos mais cedo, um endereço comum conecta as empresas do deputado Márcio Corrêa Júnior e de seus assessores envolvidos no esquema de cybermortadelas do PT.

Trata-se do edifício Pavarotti, número 669, no bairro Savassi, em Belo Horizonte.

Lá funcionam a Formula Tecnologia e a Follow Análises Estratégicas, em nome de Márcio Corrêa, e ainda BeConnected, Golz e Sharing, todas em nome do assessor Rodrigo Queles Cardoso e outros ex-funcionários do deputado.

O nome do edifício é o mesmo que aparece na Google Play Store, como interlocutor dos aplicativos Follow e O Brasil Feliz de Novo, usados pelos “influenciadores digitais”.

Comentários

  • Patricia -

    Erro material: Miguel e não Márcio.

  • Marília -

    É. O PT resolveu trocar o ABC paulista e adotou MG como seu QG mesmo. Agora tudo gira em torno de BH e grande BH.

  • Helton -

    O judiciário usa a CASINHA e deixa esses cocos (Lula / Dilma etc...) boiando no caminho do povo. ALGUÉM DÁ DESCARGA NESSA MERDA POR FAVOR!!!

Ler 79 comentários