O quase partido de Bolsonaro também pode deixar de existir

O Patriota, partido com o qual Jair Bolsonaro chegou a fechar acordo antes de decidir de vez pelo PSL, também pode deixar de existir.

O presidente da legenda, Adilson Barroso, disse a O Antagonista que tem recebido várias ligações de outros líderes de partidos nanicos com propostas de fusão.

Barroso ainda não aceita o fato de seu correligionário Cabo Daciolo não ter se candidatado a deputado federal, o que poderia puxar muitos votos e garantir a cláusula de barreira.

Leia também:

Rede de Marina vai deixar de existir

Em um cenário de incerteza, você precisa de um guia. Ao invés disso, estão escondendo a verdade de você. Leia AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 42 comentários
  1. Adilson Barroso presidente da legenda do Patriota, tentou enganar Bolsonaro, havia fechado acordo com partido de esquerdas para impedir que Bolsonaro que fosso candidato a presidente. Se arrombou,

  2. Ganhar a eleição é uma coisa, governar é outra !! olhe os partidos que vão comandar o senado federal… Pmdb, Psdb, PT, Dem, Rede,vale lembrar que precisa 75% dos votos para uma PEC.

    1. É isso que o manda chuva do PSL quer….. vai ter grana adoidado, só neste ano quando ficou a metade dos mais de 10 milhões do fundão…

  3. Profº Ricardo Felício para Ministro da Ciência e Tecnologia. Para o Meio Ambiente, também na linha dura contra a ideologia na academia, o canadense Patrick Moore, que fará desmoronar a tese do AG

  4. Bolsonaro Presidente. Glória a Deus e ao povo brasileiro, que acordou!!!! Regina Duarte, imagino sua felicidade em poder assistir a derrota do PT e de seus colegas “artistas”…

  5. O que esse Barroso tem que entender é que Daciolo só ganhou expressão por ter se candidatado a presidente e ter aparecido nos debates, não ia puxar absolutamente nada em outra situação.

    1. eles não lançaram daciolo, ele se lançou. viu que era a unica chance de se projetar nacionalmente pois como deputado era só mais um excentrico. um et na camara

  6. Lamentável a vaidade de Daciolo, podia ter mudado para candidato a Dep Federal com grandes possibilidades de ser eleito, já que nas pesquisas nunca passou de 1% como candidato a Presidente.

    1. protesto nada. foi caso pensado para projetar seu nome. mal posso esperar as eleições de 2020. vai ser diversão pura!!! Daciolo para Prefeito do RJ kkkkkk