O que os inimigos da Lava Jato já falaram de Moro

Na segunda passada, Sérgio Moro disse na Universidade Columbia que não, não é um agente da CIA, como gostam de espalhar a Orcrim e simpatizantes.

Veja alguns absurdos que já disseram sobre o juiz da Lava Jato:

Moro é um agente dos EUA

“Sérgio Moro foi treinado nos Estados Unidos pelo FBI” (Marilena Chauí, professora petista de filosofia petista)

“Ambos [Moro e Janot] atuaram e atuam com órgãos dos Estados Unidos, abertamente, contra as empresas brasileiras, atacando a indústria bélica nacional.” (Luiz Alberto de Vianna Moniz Bandeira, historiador petista de história petista)

Moro persegue Lula

“O inquérito não tem como intenção esclarecer os fatos e sim condenar o ex-presidente Lula.” (Cristiano Zanin Martins, advogado do réu)

“Sérgio Moro dorme e acorda pensando em prender o Lula” (Guilherme Boulos, líder do MTST, um dos braços auxiliares do PT)

“Há uma perseguição sem precedentes ao ex-presidente Lula.” (Gleisi Hoffmann, senadora petista e ré na Lava Jato)

Moro é tucano

“Moro participou de eventos da empresa Lide, que se confunde com o prefeito eleito de São Paulo, João Dória, que se declarava pré-candidato.” (o onipresente Cristiano Zanin Martins)

“A filiação de Moro ao PSDB não é cartorial, mas segue a política de destruição [da economia] nacional daquela agremiação partidária.” (Dom Orvandil, bispo da Diocese Brasil Central)

Moro destrói a economia

“Ele tem noção de quanto desemprego já causou?” (Lula, o réu)

“A Lava Jato de Moro inviabiliza as empresas.” (Carta Capital, a revista amiga do reúl)

“A Lava Jato se gaba de ter trazido para o país cerca de R$ 2 bilhões supostamente usurpados. Mas e a quebradeira da indústria naval e o desemprego na construção civil?” (Eugênio Aragão, o último ministro da Justiça de Janete)

Moro age por vaidade

“A história tem muitos exemplos de justiceiros messiânicos como o juiz Sergio Moro e seus sequazes da Promotoria Pública.” (Rogério Cezar de Cerqueira Leite, adepto da física petista)

“É isto: a vaidade enterrando a austeridade.” (Ciro Gomes, que dispensa apresentações)

“Vaidade, que m… é a vaidade. O que pode fazer com um homem até então sério!” (Roberto Requião, autoproclamado defensor dos benefícios da alfafa)

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO