O que os militares estão achando?

O que os militares estão achando?
Foto: Reprodução/Twitter/Marina Pagno

“Como a inteligência militar é binária — uns mandam, outros obedecem, segundo o categórico Pazuello —, é natural que as Forças Armadas assistam sem tugir ou mugir às grandes lambanças em curso pelo seu chefe supremo e pelo mamulengo que ele nomeou para um cargo-chave”, diz Ruy Castro.

“Mas, neste momento, é irresistível perguntar o que estarão achando de Bolsonaro agarrar-se desesperadamente a um produto que ele não queria, repudiou e quase proibiu — a vacina, e logo a do Butantan —, e de depender da condescendência da China, país que ele e seus dementes levaram dois anos agredindo.”

Leia mais: Enquanto dezenas de países do mundo já iniciaram a vacinação contra a Covid-19, o Brasil patina entre duas vacinas.
Mais notícias
TOPO