O que os vazamentos revelaram (ou não revelaram)

“A divulgação de diálogos, escritos e falados, atribuídos aos procuradores da Lava Jato, entre si e com o então juiz Sergio Moro, não revelou nenhuma ação que distorcesse a investigação, que forjasse provas inexistentes, que indicasse conluio contra qualquer investigado da Lava Jato, muito menos o ex-presidente Lula, o objetivo evidente da operação de invasão de celulares”, diz Merval Pereira.

É isso mesmo.

Comentários

  • Marga -

    Até que enfim alguma lucidez oriunda de um jornalista.

  • jose -

    Como um estrangeiro ataca o País e o povo que o acolheu de forma tão covarde, agressiva, explicita com o objetivo torpe de soltar um presidiario.

  • Edu_Brasil -

    Será que tudo isso foi uma grande trama para desmoralizar a Lava Jato, soltar Lula e suspender as investigações e condenações de vários envolvidos?

Ler 14 comentários