O que restou do Rio de Janeiro

Algumas notícias sobre o que restou do Rio de Janeiro de Sérgio Cabral e Luiz Fernando Pezão (para além dos tiroteios nas favelas já noticiados por O Antagonista):

– Um edifício na Av. Epitácio Pessoa, na Lagoa, Zona Sul do Rio, foi assaltado por homens encapuzados no meio da semana.

– Um prédio da rua Custódio Serrão, no Jardim Botânico, Zona Sul do Rio, também foi assaltado na sexta-feira.

– O ator Ary Fontoura foi assaltado por oito homens armados na madrugada de sexta-feira no Recreio, Zona Oeste do Rio. “Não tem mais hora. Toda hora é hora”, desabafou.

– O ex-jogador Roger sofreu uma tentativa de assalto na tarde de sexta na Av. Ataulfo de Paiva, no Leblon, Zona Sul do Rio. O homem estava armado e queria levar seu relógio, segundo Roger, que chegou a brigar com o assaltante e levou uma coronhada.

Nenhuma das vítimas desses casos, aparentemente, contava com os dez seguranças do socialista Marcelo Freixo, do PSOL.

Faça o primeiro comentário