O que seria a grande reforma trabalhista

Michel Temer quer fazer uma reforma trabalhista, flexibilizando a CLT, noticia O Globo.

“A proposta deve restringir as negociações coletivas à redução de jornada e de salários, ficando fora dos acordos normas relativas à segurança e saúde dos trabalhadores.

Dessa forma, FGTS, férias, previdência social, 13º salário e licença-maternidade, entre outros, continuarão existindo obrigatoriamente, mas serão flexibilizados. Ou seja, as partes (empregadores e sindicatos da categoria) poderão negociar, por exemplo, o parcelamento do 13º e a redução do intervalo de almoço de uma para meia hora, com alguma contrapartida para os empregados. As horas gastas no transporte que contarem como jornada de trabalho — nos casos em que a empresa oferece a condução — também poderiam ser objeto de negociação.”

O parcelamento do 13º salário, por exemplo, terá um impacto tremendo no Natal, a principal data do comércio brasileiro, e tornará ainda maior o endividamento de muitos brasileiros que já tomam emprestado nos bancos o equivalente ao salário suplementar, para fechar as contas do ano. Redução do intervalo de almoço não aumenta produtividade. O que aumenta produtividade é educação e treinamento.

O Antagonista que a grande reforma trabalhista seria diminuir a quantidade de encargos que o empresário tem de pagar ao governo em cima de cada salário. Um trabalhador custa o dobro do que recebe no seu contracheque.

27 comentários

  1. Não dá mais para aturar esses dois absurdos: – FORO PRIVILEGIADO e – “SUPLENTES” de Senadores (que nunca tiveram UM VOTO!!) Isso é coisa de republiqueta típica latinoamericana.

  2. Tipo assim: vc vota contra o impeachment e nós livramos sua cara lá no STF. É pegar ou largar. É o tipo da negociata que foi feita há pouco tempo no Royal Tulip e que nós sabemos muito bem quem está por trás. Talves agora apenas o QG seja outro.

  3. Agora, licenciado, o Lobão “véio” terá tempo prá aprender a substituir lâmpada queimada, já que quando era ministro das Minas e Energia não sabia fazer essa tarefa que é muito difícil.

  4. O Brasil precisa ser passado a limpo, se Temer não deve nada como afirma, chame a população pro seu lado e diga que com o apoio popular podemos fazer a limpa no Congresso e onde existe corrupção. Eles precisam respeitar as Leis. Chega de impunidade.

  5. COLOQUEM ELE DE FÉRIAS, LÁ EM CURITIBA, POR UNS 40 ANOS!!!!!!! HOSPEDAGEM GRATUITA. HOTEL INDICADO PELA LAVA JATO!!!!!!!!

  6. Este sujeito já esteve preso (regime domiciliar) nos anos 90, quando era conhecido como EDINHO 30, em menção a proporção das propinas requisitadas dos empreiteiros nas obras públicas! Tal Pai tal filho…família que rouba unida permanece unida..um ícone do Lulopetismo…certo Lulas da Silva?

  7. Agora o Lobãozinho…..Será que os Ministros do STF não se envergonham de serem apresentados ao país como protetores de bandidos ???? Todos os maiores bandidos do país querem ficar debaixo desse guarda chuva…..e isso publicamente…nem sequer fazem isso escondido….até as putas de rua trabalham a noite escondidas pela penumbra….e no nosso PJ trabalham a luz do dia….

  8. Desde quando politico do Maranhão que saber de ética…Esse ai quer saber são das Ferraris e etc….Aliais aqui no Leme ele é vizinho do Luciano Coutinho a Policia Federal vai aproveitar a mesma visita para levar dois de uma vez só.

  9. Edison Lobão votou a favor do impeachment. Lobão Filho vai votar contra o impeachment. Esse é o jogo aí.

Comentários temporariamente fechados.
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.