O recesso foi bom para Dilma e Cunha

O recesso parlamentar pode ter esfriado o impeachment.

Mas esfriou também o movimento contra Eduardo Cunha.

De acordo com a Folha de S. Paulo, Hugo Motta, seu candidato a líder do PMDB, “está perto” de ser eleito.

E mais:

“Integrantes do PTB, PP, PSC e PHS ensaiam retornar ao bloco partidário liderado pelo PMDB caso Motta vença a disputa contra o governista Leonardo Picciani, o que amplia o espectro de influência de Cunha”.

Faça o primeiro comentário