O recuo dos bolsonaristas após a prisão de Daniel Silveira

O recuo dos bolsonaristas após a prisão de Daniel Silveira
Foto: Vinicius Loures/Agência Câmara

Bolsonaristas estão pianinho após a prisão de Daniel Silveira — o deputado continua na cadeia. Aproveite e leia aqui “Quem é Daniel Silveira?”.

Levantamentos feitos pela empresa de análise de dados Novelo Data e pelo Projeto 7c0, divulgados por O Globo, mostram que apoiadores de Jair Bolsonaro aceleraram a retirada de vídeos que citavam o STF e ajustaram o tom das declarações.

A reportagem pontua que houve movimento nesse sentido por parte, por exemplo, dos deputados Otoni de Paula (PSC) e Paulo Eduardo Martins (PSC) e do procurador Ailton Benedito.

“Monitorando 183 canais bolsonaristas no YouTube, a Novelo Data identificou um comportamento coletivo: no mês anterior à prisão de Silveira, decretada em 16 de fevereiro, houve uma média diária de 11 vídeos sobre o STF removidos dessas páginas. Nos três dias seguintes à decisão do STF de prender o deputado, a média diária saltou para 26.”

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO