O rojão que explodiu na mão de um integrante da ‘marcha’

A Polícia Militar do Distrito Federal identificou o tipo de rojão que explodiu ontem à tarde nas mãos de um integrante da “marcha” promovida pelas centrais sindicais e por movimentos de esquerda.

Trata-se de um “artefato explosivo improvisado, à base de embalagem de desodorante aerosol”. Policiais encontraram pedaços do tal rojão a mais de dez metros do local em que o rapaz se feriu, perdendo três dedos.

Faça o primeiro comentário

200