O Ronaldinho de Bolsonaro

O Ronaldinho de Bolsonaro
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Renan Bolsonaro, seguindo o caminho de Lulinha e Luleco, abriu uma empresa de eventos.

Entre os patrocinadores, destacam-se a administradora do estádio Mané Garrincha e um empresário do Espírito Santo, que já foi levado pelo filho do presidente para uma reunião com o ministro Rogério Marinho, a quem apresentou seus projetos.

O presidente da empresa capixaba, John Lucas Thomazini, disse candidamente à Veja que foi recebido pelo ministro por influência do próprio Jair Bolsonaro:

“O Renan começou tudo, levou para Brasília. O projeto foi enviado para o pai dele, que o encaminhou para o Ministério do Desenvolvimento Regional.”

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 101 comentários
TOPO