O segundo turno dos policiais

Um grupo de deputados de partidos como Cidadania, PSB, PDT e até do DEM organiza, nos bastidores, um movimento para condicionar o voto favorável à reforma da Previdência no segundo turno à exclusão de policiais e agentes federais de segurança pública da proposta, diz a Crusoé.

O movimento reúne, até o momento, 20 deputados que votaram a favor da matéria no primeiro turno.

Leia a nota completa aqui.

Mais lidas
  1. PDT acusa Bolsonaro de peculato por compra de leite condensado

  2. ENTREVISTA: Wilson Lima diz que Pazuello ajuda a 'agilizar demandas', mas que 'ainda falta oxigênio'

  3. Justiça Federal suspende distribuição da vacina de Oxford em Manaus

  4. Governo já pagou 1 bilhão por IFA de vacinas da AstraZeneca

  5. Sobra leite condensado, falta transparência do governo

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 22 comentários
TOPO