O Seminarista não tem nada a esconder

Quando a Zelotes pediu a quebra do sigilo da filha de Gilberto Carvalho, ele emitiu uma nota dizendo:

“Reajo com a dor de um pai que vê seus filhos expostos à execração pública sem que nenhum fato, nenhuma acusação formal tenha sido contra eles apresentada. A quebra dos meus sigilos fiscal e bancário e da minha família apenas atestará de maneira definitiva o que acima afirmo. Minha filha era proprietária de uma empresa que infelizmente quebrou e tem uma dívida a pagar com bancos de pouco mais de um milhão de reais. Meus dois filhos são funcionários públicos com rendimentos em torno de R$5.000,00. Não tenho nada a esconder”.

Dois dias atrás, ele especificou que a dívida de sua filha, de 1,4 milhão de reais, foi contraída junto ao Banco do Brasil (leia o post abaixo).

Considerando que Gilberto Carvalho não tem nada a esconder, perguntamos:

1 – Quais garantias sua filha ofereceu para ganhar um empréstimo tão grande? Não foi seu salário de 5 mil reais, é evidente. Não foi o patrimônio de seu pai, é evidente.

2 – O Banco do Brasil está disposto a emprestar 1,4 milhão de reais a O Antagonista?

3 – A quem temos de pedir? A Henrique Pizzolato? A Aldemir Bendine?

4 – A avalista da filha de Gilberto Carvalho é Val Marchiori?

Faça o primeiro comentário