O silêncio de Rosemary

A IstoÉ diz que Léo Pinheiro confessou, em sua delação premiada, que Lula usou a OAS para comprar o silêncio de Rosemary Noronha, ex-chefe do escritório da Presidência em São Paulo.

A prova seria um crédito que a New Talent Construtora tem com a empreiteira em sua recuperação judicial – algo em torno de R$ 15,4 mil.

Faça o primeiro comentário